Monday Sep 22

Led Zeppelin

Attention: open in a new window. PrintE-mail

divulgaçãoJimmy Page conheceu John Paul Jones durante as gravações do último álbum do Yardbirds. Jones, sabendo que Page estava com um novo projeto, se mostrou interessado em participar, mas as conversas não foram pra frente, já que o Yardbirds ainda estava ativo. Mas, com a saída de Jeith Relf e James McCarty do Yardbirds, ele acabou vendo que este novo projeto viria a tona muito antes do planejado. Page, ainda com o baixista Chris Dreja, saiu a procura de novos músicos para cumprirem com os contratos já assinados anteriormente e, pra isso, precisaria de um novo vocalista e baterista. No começo o vocalista Terry Reid e o baterista B.J.Wilson, do Procol Harum foram escalados, mas não foram integrados à banda definitivamente. Reid, então, sugeriu que Page entrasse em contato com Robert Plant, que na época era vocalista de um grupo chamado Hobbstweedle.

Depois de ouvir Plant cantando, Page o convidou para entrar na banda, era agosto de 1968, mesmo mês que Chris Dreja resolveu sair do novo projeto. Com a saída do baixista, John Paul Jones foi convidado para assumir o posto. Plant, aproveitando que a banda ainda não tinha um baterista fixo, recomendou a Page que conhecesse o trabalho de John Bonham, antigo baterista de outra banda de Robert Plant, a Band of Joy. Mesmo com vários outros grupos querendo as baquetas de Bonham, ele resolveu aceitar o convite de Page, graças a uma boa oferta de dinheiro. Estava formado o New Yardbirds, banda que assumiu os compromissos assumidos anteriormente pelo Yardbirds.

Em setembro de 1968 entram em estúdio para a gravação do primeiro disco, gravado em menos de 30 horas. No mês seguinte, mudam o nome para Led Zeppelin. Antes do final do ano assinam com a Atlantic Records dos Estados Unidos e lançam o disco no começo de janeiro, mesmo mês que iniciam a primeira turnê pelos Estados Unidos. Dois meses depois o grupo já havia entrado no Top 10 das paradas americanas. Com isso resolvem fazer mais shows pelo país antes de partirem para a Inglaterra. Durante a turnê gravam o segundo trabalho, Led Zeppelin II, que é lançado em outubro de 1969. Assim como o primeiro, apenas dois meses depois do seu lançamento, o álbum já estava entre os mais vendidos nos Estados Unidos, ficando durante sete semanas no primeiro posto. Led Zeppelin II estabeleceu a banda como uma das mais importantes do rock mundial, garantindo mais datas para a, já avassaladora, turnê.

Durante a turnê de Led Zeppelin II, a banda começa a produção de seu sucessor, Led Zeppelin III, que é lançado em outubro de 1970. O disco mostra uma grande influência da música folk britânica, deixando um pouco o blues de lado. É também o trabalho que traz as primeiras investidas do grupo no misticismo, que culminou no lançamento, em novembro de 1971, de Led Zeppelin IV. Este trabalho é o mais diversificado, musicalmente falando, feito pelo grupo até então, indo do rock, em Black Dog, até o folk, em The Battle of Evermore. É o disco que traz o maior sucesso da banda até hoje, Stairway to Heaven, que mescla estes dois elementos. Stairway to Heaven se transforma imediatamente em um hit nas rádios pelo mundo, se tornando uma das músicas mais executadas de todos os tempos, sem nunca ter sido lançada com single. O mais engraçado disso é que Led Zeppelin IV nunca chegou ao posto mais alto das paradas americanas, mas já vendeu mais de 16 milhões de cópias no mundo inteiro nas últimas três décadas. A banda continua em turnê, mas agora com menos shows, dando preferência para as apresentações em locais maiores.

Em 1972, resolvem dar uma parada nos shows para se dedicarem à gravação do quinto disco. Houses of the Holy continua com as experimentações musicais do grupo, flertando com o funk e com o reggae, mas mantendo o rock e o folk. O disco é lançado no primeiro semestre de 1973 e garante uma grande turnê pelos Estados Unidos. Durante esta turnê, em um show no Madison Square Garden, a banda filma o que viria a ser o disco The Song Remains the Same, que foi lançado três anos depois, em 1976. O Led Zeppelin entra em 1974 em silêncio, nenhum show e nenhuma nova gravação é feita. Apesar disso, aproveitam o ano, e criam o próprio selo, Swan Song, que viria a ser o responsável pelos próximos lançamentos do grupo, além de trabalhar com outros artistas, como Bad Company e The Pretty Things.

O primeiro disco da banda lançado pelo selo, é Physical Graffiti, um álbum duplo que sai em fevereiro de 1975. O trabalho é um sucesso, chegando ao topo das paradas inglesas e americanas rapidamente. O grupo, então, se prepara para mais uma turnê que é interrompida devido a um grave acidente de carro envolvendo Robert Plant e sua esposa, quando estavam passando as férias na Grécia. A tour é cancelada até que o vocalista se recupere.

A banda retorna em 1976 com um novo trabalho, Presence, que apesar de ir bem nas paradas, é recebido com frieza pela crítica especializada. Neste mesmo ano, finalmente, é lançado o disco ao vivo The Song Remains the Same, gravado três anos antes. Finalmente, em 1977, a banda retorna à América para uma nova turnê. Dois meses depois a tour tem que ser cancelada, o filho de apenas seis anos de Robert Plant, Karac, morre devido a uma infecção estomacal. A banda se cala novamente, agora sem dar notícias se irão continuar a turnê ou gravar um novo trabalho. Começam as especulações que o Led Zeppelin está para acabar. Plant passa o resto do ano e parte de 1978 em reclusão e o grupo também não produz nada até o meio de 1978, quando resolvem entrar novamente em estúdio, trabalhando na Suécia, no estúdio que pertencia ao grupo ABBA. No ano seguinte, o Led Zeppelin faz uma pequena turnê pela Europa, passando pela Suíça, Alemanha, Holanda, Bélgica e Áustria, além de fazer dois mega-concertos em Knebworth, que viriam a ser os últimos na terra da Rainha.

Em setembro de 1979 lançam o oitavo disco de estúdio, In Through the Out Door, que vai bem nas paradas, chegando ao posto mais alto nos Estados Unidos e Inglaterra. No ano seguinte, em maio, a banda começa uma nova turnê pela Europa, que viria a ser a última do grupo. Em setembro do mesmo ano estão reunidos na casa de Jimmy Page preparando a turnê pelos Estados Unidos. Os planos são interrompidos no dia 25 do mesmo mês, quando John Bonham é encontrado morto em sua cama. Bonham misturou remédios com álcool e morreu afogado em seu próprio vomito. Em dezembro de 1978 a banda anuncia o seu fim, dizendo ser impossível continuarem tocando juntos sem John Bonham.

Depois do fim, os membros remanescentes passam a cuidar de suas carreiras solo. John Paul Jones volta a produzir e termina seu primeiro disco, Zooma, em 1999. Jimmy Page começa a trabalhar em algumas trilhas, como para o filme Death Wish II, e lança uma coletânea de músicas do Led Zeppelin, Coda, que traz diversas gravações nunca antes lançadas em disco e chega às lojas no final de 1982. Robert Plant lança seu primeiro disco solo, Pictures at Eleven, e em 1984 se reúne a Page no The Honeydrippers, grupo que regravou alguns clássicos da música mundial. Depois do lançamento do único disco do Honeydrippers, Plant volta à sua carreira solo e Page monta o The Firm, junto com o ex-vocalista do Bad Company, Paul Rodgers. Em 1985, o Led Zeppelin se reúne novamente para tocar no Live Aid e rumores de uma nova turnê ou disco disparam pela imprensa mundial. Em 1988 eles voltam a tocar juntos, agora na festa de 25 anos da gravadora Atlantic. Em 1989 Page trabalha na remasterização de todo o catálogo da banda, que viria a ser relançado em 1990 no box Led Zeppelin. Os quatro discos que compunham a caixa se transformam no Box Set mais vendido de todos os tempos e abre caminho para um novo box da banda, o The Complete Studio Recordings, que vem com 10 discos.

Em 1994, Page e Plant se reúnem para  a gravação de um MTV Unplugged. O trabalho ganha o disco de platina nos Estados Unidos,  mesmo assim a gravadora acreditava que as vendas seriam maiores, já que os rumores de uma nova reunião do Led Zeppelin estavam aumentando. No ano seguinte os dois saem em turnê pelo mundo e entram em estúdio em 1998. Walking into Clarksdale é lançado e ter uma recepção extremamente fria por parte de público e crítica, com isso a parceria entre Page e Plant termina. Page sai em turnê junto com o The Black Crowes e Robert Plant volta à sua carreira solo.

A gravadora da banda resolve apostar nas compilações e em 1997 lança o duplo BBC Sessions e em 1999 sai Early Days: The Best of, Vol 1, a primeira coletânea de sucessos da banda, que abre o caminho para que, em 2000, seja lançado Latter Days: The Best of, Vol. 2. Em 2003 é a vez de  How the West Was Won, disco ao vivo, o álbum é fruto de dois shows gravados em Los Angeles em 1972 e mostram a banda em sua melhor forma.

O grupo se prepara para um único show em Londres, na Arena O2, no dia 10 de dezembro. Boatos dão conta que, no ano que vem, o Led Zeppelin sairá em turnê mundial.

Por Valdir Antonelli, com informações da All Music Guide

Facebook

AGENDA

<<  September 2014  >>
 Mon  Tue  Wed  Thu  Fri  Sat  Sun 
  1  2  3  4  5  6  7
  8  91011121314
15161718192021
22232425262728
2930     

NEWSLETTER

Deixe seu nome e e-mail para receber nossa newsletter.