Tuesday Sep 02

Tokio Hotel

Attention: open in a new window. PrintE-mail
Ninguém no mundo está mais preparado para aproveitar o brilho do estrelato do rock americano do que os integrantes da banda Tokio Hotel. O álbum Humanoid City Live é apenas o 3º lançamento deles nos Estados Unidos, subsequente aos álbuns de 2008, Scream e Humanoid, de 2009, mas para milhares de fãs ao redor do mundo, eles já são ícones.

A escalada para o sucesso iniciou-se em 2001 quando o Bill Kaulitz, o vocalista, e seu irmão gêmeo Tom – o guitarrista de dreadlocks e visual hip-hop - formaram a banda junto com o baixista, Georg Listing, hoje com 22 anos, e o baterista Gustav Schafer, com 21 anos. Ainda crianças eles começaram a se apresentar para platéias pequenas nos arredores de sua cidade natal, Magdeburg, um vilarejo que fazia parte da Alemanha Oriental.

Bill e Tom cresceram em uma das partes mais sinistras da Alemanha, eram diferentes de seus colegas de classe, quase extraterrestres. Eles eram os oprimidos e sabiam que tinham que se libertar daquele lugar.

Tom começou a brincar com guitarra aos 7 anos de idade e aos 13, junto com Bill - já de cabelos espetados - chamaram a atenção de um dos produtores mais conhecidos da Europa, David Jost, também produtor de Humanoid, e solidificaram sua fórmula pop rock melosa.

Originalmente chamados de Devlish, eles mudaram o nome antes do lançamento do primeiro álbum em alemão, Schrei (Scream, em inglês). Em 2005, embarcaram para aquela que seria a turnê de lançamento mais bem sucedida na Alemanha de um artista novo. Em 2007, lançaram seu 2º álbum em alemão, Zimmer 483 (Room 483, em inglês) e venderam mega shows nas arenas da Europa em questão de minutos.

Como um rastilho de pólvora,  a banda atraiu a atenção de uma geração inteira. Na França, a popularidade deles explodiu. Passaram de apresentações em pequenos clubes para 500 pessoas, a um show aos pés da Torre Eiffel para 500 mil fãs gritando 'foneticamente' as letras de seus sucessos em alemão. Logo depois fizeram história ao se tornarem a primeira banda alemã a alcançar o 1º lugar nas paradas das rádios israelenses.

Em 2008, após esgotar-se em 43 shows, o vocalista Bill enfrentou uma cirurgia por conta de cistos em suas cordas vocais. Em dois meses, já estava de volta na estrada se apresentando mundo afora, logo após o lançamento do álbum Scream nos EUA.

Humanoid estava impregnado da mesma emoção que anteriormente os conectou aos jovens fãs. A primeira música de trabalho, "Automatic", é um hino metálico recheado de zumbidos de guitarras, percurssão e um coro em falseto feito para ser acompanhado por uma platéia de estádio lotado. A faixa "World Behind My Wall" redefine o poder da balada com profundidade, introspecção. confiança musical e um coro irrestivível de se acompanhar.

Durante a gravação deste álbum, apesar da banda estar em sua fase mais experimental até hoje, eles gravaram faixas em Hamburgo, Miami e Los Angeles. "Bill nos enlouqueceu, constantemente trazendo novidades, mesmo com as canções antigas ainda não terminadas," diz Tom, que se orgulha, frequentemente, de zombar do irmão. "Fora isso, não nos limitamos e usamos novos instrumentos."

Site Oficial: http://www.tokiohotel.com

Foto por Stephan Solon/Via Funchal
Release

Facebook

AGENDA

<<  September 2014  >>
 Mon  Tue  Wed  Thu  Fri  Sat  Sun 
  1  2  3  4  5  6  7
  8  91011121314
15161718192021
22232425262728
2930     

NEWSLETTER

Deixe seu nome e e-mail para receber nossa newsletter.