Wednesday Sep 17

Donnas

Attention: open in a new window. PrintE-mail

divulgaçãoO grupo foi criado em maio de 1993 em Palo Alto, na Califórnia, curiosamente, todas as integrantes nasceram em 1979. Assumindo o nome de Ragady Anne, a banda apresentava covers de grupos como REM, L7 e Shonen Knife e entraram em uma batalha de bandas na escola apenas um mês depois de formarem o grupo. Durante o colégio ensaiavam todas as tardes e rapidamente entraram para o movimento riot grrrl, inspiradas por bandas como Bikini Kill e Bratmobile. No começo de 1995, o Ragady Anne lança um EP pelo selo Radio Trash e logo depois mudam o nome da banda para The Electrocutes, adotando um visual mais sujo. Começam a se apresentar pela Bay Area e são descobertas por Darin Raffaelli, proprietário do selo Radio X. Raffaelli havia escrito algumas canções no estilo dos Ramones e procurava uma banda para interpreta-las. Vendo que tais canções não batiam com o estilo do the Electrocutes, ele e as integrantes resolvem criar um alter-ego, a the Donnas.

Com a nova banda, a vocalista Brett Anderson, a guitarrista Allison Robertson, a baixista Maya Ford e a baterista Torry Castellano passam a se chamar Donna A, Donna R, Donna F e Donna C. Assim, em 1995, fazem seu primeiro show como The Donnas e lançam seu primeiro single pelo selo Radio X. Outros dois singles são lançados em 1996 pelo novo selo de Raffaelli, o Super*teem. Neste meio tempo resolvem abandonar a antiga banda e gravam o álbum Steal Yer Lunch Money, entretanto o disco só é lançado três anos depois, quando assinam com a Sympathy for the Record Industry.

Em 1997, o The Donnas grava seu primeiro disco pelo Super*teem, usando as canções escritas por Raffaelli. Críticos dizem que Raffaelli está apenas usando a banda, assim como aconteceu com as Runaways e Kim Fowley, mas os dois lados afirmam que a relação é totalmente profissional e que todo o resto é especulação. Após o lançamento do álbum, a banda tira uma semana de férias do colégio e vai para o Japão. Assim que as aulas acabam, assinam com o selo Lookout, responsável pela estréia do Green Day e, pelo selo, lançam American Teenage Rock ´n´Roll Machine no começo de 1998.Rapidamente o grupo se torna uma banda conhecida no underground punk, chamando atenção da mídia, em especial da MTV.

Em 1999 a banda lança seu terceiro disco, Get Skintight, que marca a estréia das meninas como compositoras. O disco vem com uma forte influência do hard rock e até uma cover para Too Fast For Love, do Mötley Crüe é gravada. O grupo, então, começa a abrir shows da banda Cinderella. No mesmo ano algumas canções do The Electrocutes aparecem nas séries Jawbreaker e Drive me Crazy.

No começo de 2001 é lançado The Donnas Turn 21, que continua a trilha aberta anteriormente, mesclando punk com hard rock. O disco não é bem recebido pela crítica que chama o trabalho de forçado. Independentemente disso, o The Donnas chama a atenção da Atlantic Records, com quem assinam no mesmo ano e lançam o disco Spend the Night. É deste álbum o maior hit da banda, Take it Off. No ano seguinte, o grupo se apresenta no Lollapalooza.

Em 2004 lançam seu segundo disco pela Atlantic, o álbum Gold Medal, o disco marca o retorno à época dos Ramones e Suzi Quatro, deixando os acordes do hard rock de lado e apostando no punk.

Passam-se três anos e apenas em 2007 será lançado o sétimo disco das meninas do The Donnas. Antes disso, o grupo passa pelo Brasil para três shows no final de agosto, em Porto Alegre, Curitiba e São Paulo.

Assista a clipes da banda clicando aqui...

Por Valdir Antonelli, com informações da All Music Guide

Facebook

AGENDA

<<  September 2014  >>
 Mon  Tue  Wed  Thu  Fri  Sat  Sun 
  1  2  3  4  5  6  7
  8  91011121314
15161718192021
22232425262728
2930     

NEWSLETTER

Deixe seu nome e e-mail para receber nossa newsletter.